Tradutor

domingo, 5 de maio de 2013

Doenças que podem ser diagnosticadas através das unhas

As unhas podem revelar várias doenças. 

Na medicina tradicional chinesa, e no oriente de um modo geral, as mãos são bastante observadas para um bom diagnóstico clínico. Além do formato, observa-se cor, temperatura e principalmente as unhas. Embora não seja observada na ciência alopática, as unhas com certeza contribuem com informações importantes sobre o estado patológico de uma pessoa. 


Sinais sintomáticos
a) Pequenas luas brancas nas unhas indicam um crescimento acelerado, o que é percebido em unhas de crianças. Normalmente estas luas desaparecem entre os 35 a 40 anos de idade, exceto a lua do dedo polegar.

b) Pequenos pontos brancos ao longo das unhas indicam um aspecto “yin”, devido a grande ingestão de açúcar, frutas, etc. Quanto mais próximo da base da unha estas manchas estiverem podem indicar o tempo do consumo do açúcar. Exemplo: próximo da cutícula, um mês de consumo excessivo, no meio da unha, três meses e nas pontas das unhas, indica que há mais de seis meses há um consumo exagerado de doces de uma forma geral.
c) Linhas ou ranhuras verticais ao longo das unhas indicam estado “yang”, a pessoa está consumindo muito sal nos alimentos, para compensar este excesso devem-se acrescentar mais óleo nos alimentos.
d) Unhas côncavas é um sintoma da presença de parasitas no organismo. Este diagnóstico é reforçado quando a esclerótica, (parte dos olhos branca) aparecem meio azulada. Unhas que se racham com facilidade também é indicador de parasitas intestinais.
e) O consumo de carnes vermelhas e de proteínas é notado nas “cutículas” que ficam grossas, vermelhas e até descamando.
f) Diagnóstico de anemia abra os dedos ao máximo com a mão ligeiramente para o alto, mantenha por alguns segundos nesta posição de tensão, se ao voltá-la as unhas permanecerem brancas, pode ser um sinal de anemia. Deve se conferir este resultado verificando também a pálpebra inferior. Se muito clara reforça o diagnóstico anêmico, é hora de ir ao médico. 


As unhas bonitas harmoniosas com certo brilho, de médio comprimento, nem largas, também nem muito estreita, são indicações de como uma pessoa saudável e feliz. Abaixo a relação de vinte sinais sintomáticos de possíveis problemas na saúde analisado pelos estudos das unhas. Deixo claro que as informações servem apenas como ponto de referência e não dispensa avaliação do médico especialista para confirmação ou não do seu autodiagnóstico. 


1) Num estado de carência nutritiva, fraqueza orgânica, as unhas têm uma aparência pequena e atrofiada. Pode também indicar um pessoa delicada, sensível e nervosa. 
2) Unha também pequena, atrofiada, porém mais grossa, indica uma percepção nervosa, agitada interiormente, contudo sem ação imediata 
3) Pessoas com unhas compridas podem indicar dores no tórax, principalmente nas costelas e no externo, porém sem gravidade. 
4) Uma unha muito curta e sem atrofia é comum nas pessoas com problemas cardiológicos, neuroses e emotivas. 
5) Unhas em forma de pirâmide triangular, devem ser muito observadas, pois indica tendências a patologias cerebrais, e até mesmo AVC (derrames), é bom estar em dia com as visitas ao médico. 
6) Unha estreita na base e larga nas laterais, indica fraqueza física, mas com boa saúde mental. 
7) Pessoas com problemas arteriais ou de coluna normalmente apresentam unhas em forma de uma azeitona, ovais e longas. 
8) Base do mesmo tamanho, longa e ponta arredondada, são indicativos de problemas hepáticos. Se aparecerem amareladas é sinal de doença crônica. 
9) Este formato de unha é encontrado em pessoas que vivem coçando o nariz. Rugas horizontais e profundas indicam a presença de vermes no organismo, mau hábito alimentar. 
10) Pessoas anêmicas, desnutridas e principalmente com deficiência de cálcio apresentam unhas com pontas para cima e com rugas verticais. 
11) Sinal muito negativo é quando as unhas aparecem encravadas nas laterais, indicam doenças degenerativas graves (câncer ou arteriosclerose) 
12) Unhas em forma de colher para baixo, indicam problemas respiratórios, contudo não está relacionado com a asma. 
13) Unhas emborcadas em forma de colher com elevação no centro indicam tendência a problemas no fígado. 
14) Problemas renais são diagnosticados em pessoas com unhas pequenas e semicirculares. Aumenta a possibilidade se as pálpebras inferiores aparecerem inchadas ou com bolhas. 
15) Doenças degenerativas com esclerose, câncer, etc., aparecem em pessoas com unhas em forma cilíndrica e com profundas ranhuras. 
16) Baixa resistência e problemas linfáticos é característica de unhas pequenas e achatadas nas pontas (não é válido para os roedores de unhas). 
17) Uma unha pequena e completamente achatada (esmagada) é sinal de problemas ligados a garganta e baixa imunidade 
18) Unha em forma de leque aberto e um pouco virada para acima é um mau sinal. Normalmente pessoas que têm um AVC (derrame cerebral) apresentam este tipo de unha com uma meia lua clara na base. Pode também indicar úlceras estomacais e duodenais, tudo vai depender do histórico da pessoa. 
19) Fraqueza intestinal, problemas de pele e coração é encontrado em pessoas com unhas frágeis e cheias de rugas, tanto horizontais como verticais. 
20) Rugas horizontais e verticais profundas estão associados a vermes, parasitas intestinais e ácido úrico, e se for somente no polegar, indica estagnação mental. 

Mãos espessas e roliças são características de pessoas saudáveis. Mãos finas, saúde fraca. Dedos curtos e grossos, boa saúde. Mãos rígidas e dificuldade de dobrar os dedos para trás, significa problemas nas artérias ou alta no mau colesterol. Mãos inchadas, tensa e articulações doloridas é um sinal de artrite. Mãos úmidas é sinal de líquido em excesso, rins sobrecarregados. Mãos quentes indicam sobrecarga no fígado.
Todas as características acima citadas fazem parte da “anamnese” para buscar na medicina holística uma causa para determinado problema na saúde. Se você se enquadra em alguma situação ou tem sintomas parecidos, está na hora de fazer uma boa consulta ao médico de sua confiança, e evite a automedicação.

Receitas para fazer as unhas crescerem



Receita


➜ 30 g de cravo


➜ 200 ml de azeite


➜ Numa panela em banho-maria, junte o cravo com o azeite e deixe cozinhar por 2 horas. Espere amornar, coe os cravos e massageie as unhas.


Para fortalece-lás:
Para fortalecer as unhas e fazer com que crescem firmes, eis algumas dicas:

- Passe nas unhas uma camada de azeite de oliva quente todas as noites, ou pingue algumas gotas de suco de limão. Coloque luvas de algodão e deixe a mistura agir durante a noite.

- Misture 2 colheres (sopa) de gel de sílica e 1 colher (chá) de cerveja. Aplique a mistura sobre as unhas e deixe agir por 5 minutos. Enxágue bem em seguida.

- Evite esmaltes de secagem rápida, porque eles enfraquecem as unhas.

- A vitamina H ajuda a fortalecê-las. Essa vitamina está presente no levedo de cerveja, produtos à base de soja, miúdos e gema de ovo.

Óleo para unhas fracas

2 colheres (sopa) de óleo de amêndoas

1 colher (chá) de óleo de jojoba

5 gotas de óleo de alfazema

5 gotas de óleo de capim-limão

Misture todos os ingredientes e massageie as unhas de manhã e à noite. Você encontra os produtos em casas de produtos naturais.
http://mdemulher.abril.com.br/

Receitas para fazer o cabelo crescer


1 – Óleo de coco e folhas de curry

Ingredientes: folhas de curry frescas e óleo de coco. Para preparar a mistura, basta ferver os dois ingredientes em uma panela. O resultado é uma substância negra, que se forma durante a fervura. Você deve coletar essa substância e espalhá-la no cabelo, duas vezes por semana. A receita é simples e os ingredientes podem ser encontrados em lojas de produtos naturais; no caso do curry, lojas especializadas em ervas costumam ter o produto.
2 – Vinagre

Ingredientes: uma parte de vinagre e duas partes de água. O vinagre de maçã é o mais indicado, porque não deixa um odor tão marcante. Basta misturar os ingredientes e, para amenizar ainda mais o cheiro, acrescentar algumas gotas de um óleo capilar de sua preferência. A mistura deve ser aplicada após o xampu, como um finalizador. Comece usando a receita uma ou duas vezes por semana, e vá aumentando o intervalo entre as aplicações conforme os resultados forem aparecendo. Por fim, use apenas de uma a duas vezes por mês.
3 – Ovo e azeite de oliva

Ingredientes: duas gemas, duas colheres de sopa de azeite de oliva e meio copo de água. Essa receita é mais indicada para mulheres com cabelo seco, uma vez que aumenta a oleosidade dos fios. A gema é rica em proteínas, além de vitaminas A, D e E que, combinadas com as propriedades do azeite, deixam o cabelo mais sedoso e estimulam o crescimento. Misture todos os ingredientes e aplique no couro cabeludo, massageando levemente. Deixe agir por um intervalo de 15 a 20 minutos e, em seguida, lave o cabelo normalmente. Repita o procedimento apenas uma ou duas vezes por mês.
4 – Alecrim

Ingredientes: duas colheres de chá de folhas de alecrim secas e trituradas, e 300ml de água. Misture tudo e massageie o cabelo, a partir das pontas e até a raiz. A aplicação pode ser feita após o xampu ou mesmo com os cabelos secos, de uma a quatro vezes por semana, dependendo do tipo do cabelo e dos resultados observados.

Se você acredita que seu cabelo cresce em um ritmo abaixo do normal, consulte um cabeleireiro de sua confiança e, em casos mais graves, um dermatologista. Entender os motivos pelos quais seus fios não estão crescendo é importante e pode te ajudar a tratar o problema. Tratamentos caseiros podem ser baratos e eficientes, mas nem sempre são os mais adequados.

http://www.dicasdemulher.com.br




Outras dicas:

Veja abaixo as  receitas:

Ingredientes:

-1 cebola grande.

- Água.

Modo de Preparo:

-Esmague a cebola com um pouco de água e aplique a mistura no cabelo massageando durante 3 minutos.

http://www.mulherbeleza.com.br



Para fazer a receita para dar aquela turbinada no crescimento do seu cabelo você vai precisa de :

- 2 colheres (sopa) de argila branca ou verde

- 3 colheres (sopa) de água

Modo de Preparo:




Misture a argila com a água até conseguir uma pasta bem líquida. Se for necessário acrescentar mais água coloque um pouco mais.

Depois aplique a mistura no couro cabeludo e espere secar bem, até sentir a pele repuxar.Em seguida , lave bem o couro cabeludo e os fios com o xampu específico para o seu tipo de cabelo. Repita esse tratamento uma vez a cada 15 dias.


Alguns benefícios do mel

Os benefícios do mel:




mel para saude A importância do mel para a saúde
Mel com própolis

A dupla mel com própolis é infalível. Essa mistura tem propriedade bactericida com o efeito antibiótico do própolis, eficaz para quem possui problemas nas vias respiratórias. Se preferir acrescentar eucalipto, a mistura dá ainda mais efeito, pois o ingrediente também ajuda a combater a gripe, pois cuida dos brônquios.
Mel com eucalipto:

Tem função expectorante e ação antibactericida das vias aéreas. A mistura de mel com eucalipto é eficaz para aliviar os sintomas de tosse e bronquite.
Mel com guaco e própolis

O mel com guaco facilita a eliminação da secreção com a tosse e é um ótimo broncodilatador, antiasmático e expectorante.
Mel com própolis e limão-cravo

A mistura do mel com própolis e limão-cravo é indicada principalmente para casos de gripes e resfriados muito fortes, pois é rica em vitamina C. O ideal é consumir em forma de chá quente para aliviar a sensação de mal-estar do corpo. Quem tem asma, amigdalite ou bronquite deve trocar o limão-cravo por lótus, um ótimo dilatador dos brônquios e expectorante.
Mel com própolis e agrião

A mistura desses três ingredientes é um ótimo descongestionante, anti-inflamatório e diurético. O mel com própolis e agrião tem a função de limpar o sangue, melhorando as articulações.

http://www.dicasdemulher.com.br/

Chá Para Bronquite



Mel e limão

A bronquite é a inflamação do brônquios e, em geral, é curável. O sintoma da bronquite aguda é a fraqueza geral, cansaso muscular, peso na cabeça, secura e dor de garganta, além de dores no peito, febre e tosse. Nas crianças a bronquite aguda pode provocar falta de ar e febre muito alta, muito catarro no peito, tosse e pouca expctoração. Já a bronquite crônica manifesta-se por meio de outras doenças como uma tosse violenta, olhos lacrimejando, vermelhidão no rosto e até vômitos.



Receitas Medicinais
Receita 1


Ingredientes: 
3 colheres de mel de abelha
1 cenoura grande
1 copo de água
Modo de Preparo: Bata todos os ingredientes. Adoce e beba em seguida de coado.


Receita 2


Ingredientes:
1 limão grande
1 copo de água
mel para adoçar
Modo de Preparo: Bata no liquidificador o limão e o copo de água. Peneire e adoce com mel

Chá antidepressivo de erva-de-são-joão


Antidepressivo 


Ingredientes:

1 colher ( chá ) de folhas secas de erva-de-são-joão
1/2 litro de água filtrada

Modo de Preparo: Em uma panela, coloque a água e as folhas, e leve ao fogo até começar a ferver. Desligue o fogo antes de ferver. Espere esfriar com a tampa fechada para abafar, e beba morno ou frio conforme sua preferência. Tome de 3 a 5 xícaras ( chá ) ao dia.


Resultado


Os efeitos antidepressivos começaram a ser sentidos após duas semanas de tratamento assim como os antidepressivos alopáticos. Continue o tratamento sem pausa até verificar que a depressão está curada.

Chá para doenças respiratórias

Chá para doenças respiratórias

Doenças Respiratórias 
( Minimizar )

Ingredientes:

1 xícara ( chá ) de cascas de abacaxi picadas
1 folha fresca de eucalipto
3 xícaras ( chá ) de água


Modo de Preparo: Primeiramente deixe a água ferver, logo após retire do fogo e adicione eucalipto e as cascas de abacaxi. Em seguida tampe e deixe abafar por 12 minutos. Coe e beba 1 xícara ( chá ) a cada 8 horas.


Contra-Indicações: O eucalipto pode causar gastrite e agitação em pessoas sensíveis. Devemos também lembrar que o consumo deve ser evitado por pessoas com gastrite, cistite, úlcera péptica, e durante a gestação e amamentação.
http://www.ervasmedicinaiscuram.com

Como fazer Xarope expectorante de ervas

Xarope expectorante de ervas




Com o clima mais frio, vem aquela tosse que incomoda tanto: acabe de vez com ela 


Ingredientes:
5 folhas de guaco
5 folhas de menta
5 folhas de assa-peixe
1 ramo de alecrim-do-campo
1 copo ( 250 ml ) de água
3 colheres ( sopa ) de açúcar demerara orgânico ( ou açúcar mascavo de preferência orgânico )
1 vidro ( 350 ml ) de mel puro
20 a 100 gotas de própolis em solução glicólica, sem álcool ( a diferença na quantidade é referente à tolerância de cada um ao sabor do produto )


Modo de Preparo: Ferva, por 10 minutos, a água com o açúcar e as ervas, em fogo baixo. Tampe a panela e deixe a mistura ficar morna. Coe, misture 5 partes de mel para uma parte desse xarope base e coloque as gotas de própolis

http://www.ervasmedicinaiscuram.com

Receitas para curar unheiro

Receita para curar unheiro
Para identificar o unheiro (Paroníquia) é relativamente simples, a pele que fica ao redor da unha fica avermelhada, dolorida, inchada e inflamada; este tipo de inflamação produz prejuízos enormes, no que se refere a formação da unha, que crescem com alterações ficando onduladas na sua superfície. Normalmente as vitimas desta infecção bacteriana são as mulheres, por simplesmente terem um hábito maior de cuidarem de suas unhas, e consequentemente acabam aumentando o risco de se deparar com instrumentos da manicure não esterilizados adequadamente ou então em casa pelo uso de produtos de limpeza, como a água sanitária e o sabão em pó.


Unheiro 


Receita 1 


Ingredientes: 

6 dentes de alho
Azeite de oliva o quanto baste

Modo de Preparo: Amasse os dentes de alho, misture o azeite até formar uma pasta e aqueça levemente para não se queimar. Coloque sobre o local e cubra com gaze, deixando agir por 15 minutos. Aplique 2 vezes ao dia.




Receita 2 


Ingredientes: 

100 gramas de folhas de eucalipto
1 litro de água 

Modo de Preparo: Prepare um chá com folhas de eucalipto e, assim que amornar, faça banhos no local. Repita 3 vezes por dia.


Receita 3 


Ingrediente:

folha de babosa 


Modo de Preparo: Pegue uma folha de babosa, faça um corte até extrair o gel natural. Coloque na área afetada, deixando agir por 15 minutos. Repita o procedimento 3 vezes ao dia

Plantas medicinais para má circulação sanguínea

Ervas medicinais para a má circulação sanguínea

Os problemas de má circulação sanguíneasão causadas por vários fatores, como falta de exercício, obesidade, dietas ricas em gordura saturada, fumo, estresse e consequentemente acabam causando doenças cardiovasculares, varizes, arteriosclerose e outros males. Melhorar a alimentação, fazer exercícios regularmente etomar medicamentos fitoterápicos que reduzam o colesterol e aliviam o estresse contribuem para a redução de tais doenças. Quem já toma alguma medicação deve consultar um médico. Esta tabela contém as principais ervas para a circulação.


Alecrim ( Rosmarinus officinalis ) - Tônica. Normalmente usada para fortalecer o coração, diminuir varizes e ajudar na prevenção de arteriosclerose. Tome uma infusão junto com tília para aliviar dores de cabeça associadas à pressão alta.


Alho ( Allium sativum ) - Anti-colesterol e anticoagulante, sendo benéfica em casos de trombose e arteriosclerose. Ingira alho cru, cápsulas ou sucos.


Gengibre ( Zingiber officinale ) - Estimuladora, vasodilatadora, anti-colesterol. Ingira o gengibre em pó misturado com água quente, ou tome cápsulas e tinturas, para esquentar mãos e pés. Também ajuda no tratamento de arteriosclerose.


Ginkgo biloba - Estimuladora e vasodilatadora. Misture com pilriteiro para tratar doenças nas artérias coronárias. Combine com mil-folhas para diminuir varizese com gengibre para esquentar pés e mãos e para tratar claudicação intermitente e frieira.


Goji ( Lycium barbarum ) - Estimuladora ( frutos ) e hipotensiva ( raiz ). É tradicional na medicina chinesa e acredita-se que aumente a expectativa de vida. Os frutos são considerados um superalimento no Ocidente e podem aliviar tonturas e zumbidos.


Hamamélis ( Hamamelis virginiana ) - Anti-inflamatória. Molhe uma gaze ou algodão com hamamélis destilada e coloque sobre as varizes, inflamações, coceiras, hemorroidas, flebite e frieira, para aliviar inchaço e dor. 


Mil-folhas ( Achillea millefolium ) - Misturada com tília e pilriteiro, em chás ou tinturas, tem ação hipotensiva e auxilia no tratamento de arteriosclerose. Paraestancar sangramento no nariz, coloque um pouco de tintura diluída, ou chá frio, em um algodão e insira-o na narina. 


Pilriteiro ( Crataegus laevigata ) - Tradicionalmente usada para fortalecer o coração e ativar a circulação, está ajuda a regular os batimentos cardíacos e pressão alta. Tome em forma de infusão ( chá ), tintura ou cápsulas.


Tília ( Tília cordata ) - Sedativa, alivia o estresse, tensão e dores de cabeça relacionadas à pressão alta. Também fortalece as artérias e é comumente combinada com pilriteiro em infusões ou tinturas. 


Urtiga ( Urtica dioica ) - Antianêmica e hipotensiva quando combinada com pilriteiro ou tília. Junto com trevo-amarelo e agripalma, é um remédio tradicional para tratar varizes.

Chá para sinusite e rinite

Chá Para Sinusite e Rinite Sinusite 

Trata-se de uma inflamação da área superior do aparelho respiratório e sua ocorrência pode ser aguda ou crônica.


Rinite
É uma das afecções mais comuns, a inflamação da mucosa nasal que se costuma atribuir ao frio úmido, à mudança brusca de temperatura ou ao contágio. O edema da mucosa produz obstrução nasal, com perda dos sentidos do olfato e do paladar, às vezes acasiona um pouco de febre e dor de cabeça, obrigando o paciente a respirar pela boca, com a consequente secura da garganta.



Receita


Ingredientes: 
1 colher ( café ) de pó de gengibre
1 colher ( chá ) de suco de limão
3 cravos-da-índia
12 folhas de louro verde
1 litro de água


Modo de Prepraro: Ferva a água. Coloque as folhas de louro, os cravos e o gengibre. Deixe no fogo por 5 minutos. Apague e junte o suco de limão. Tome bem quente e sem adoçar.

Chá para colesterol alto







Os chás podem ser adicionado ao seu cardápio para diminuir a gordura no sangue. Uma infinidade de chás tem o controle de colesterol em meio as suas propriedades. Foi comprovado por uma equipe de estudiosos que beber um litro de chá de erva-mate por dia pode causar uma queda de até 40% do nível de colesterol no sangue. Ele deve ser ingerido 10 minutos antes, durante ou depois das refeições, e junto com os alimentos indicados abaixo pode inibir a absorção de colesterol ruim do corpo.


Dieta Para Colesterol Alto


Primeiramente, deve-se diminuir consideravelmente o consumo de alimentos gordurosos no dia a dia. Entre os alimentos perigosos para quem tem o colesterol alto está a carne gorda principalmente a vermelha, frutos do mar, embutidos - presuntos, salsicha e similares, margarina e manteiga, queijos amarelos e principalmente a gema de ovo. Formule uma nova dieta para você, acrescentando em seu cardápio alimentos que ajudam a controlar o colesterol como pão integral, frutas ( laranjas, maçãs, peras, damascos, figos, ameixas ), cebola, alho, milho, feijão e demais leguminosas. 

Chás para Colesterol Alto 


Chá de Sete Sangrias


Ingredientes: 

1 colher ( chá ) da erva sete sangrias picada
1 xícara (chá ) de água
Modo de Preparo: Ferva a água, desligue o fogo e acrescente a erva. Tampe e deixe apurar por 10 minutos. Coe e beba três vezes por dia. 


*Observação: Se for tomado em excesso esse chá pode causar diarreia. 


Chá de Alho


Ingredientes:

3 dentes de alho descascados
1 pedaço de uma raiz de gengibre
2 copos de água
1 colher de mel
Modo de Preparo: Parta cada dente de alho em quatro partes. Ferva o alho e o gengibre nos copos de água. Reserve por alguns minutos para apurar e adoce com mel.

http://www.ervasmedicinaiscuram.com

Chá para queimar gorduras

Chá queima-gorduras - mix de ervas 3 vezes mais poderoso que os chás convencionais

Eliminar os quilos estras sem passar fome ou investir pesado nos produtos da moda parece impossível, mas não é. Basta preparar um chá com uma mistura de ervas que você encontra por um preço bem acessível nas lojas de produtos naturais. Depois conciliar com uma alimentação balanceada, sem exageros, para que ao final de um mês consiga obter resultados satisfatórios.


Poderoso Chá Queima-gorduras


Ingredientes: 


folhas de oliveira ( tem propriedades emagrecedoras, antiestresse e antioxidante, com baixo teor de cafeína )
folhas de urucum ( queima a gordura e reduz o colesterol ruim )
folhas e caule de fitolaca ( combate a gordura localizada e as inflamações )
porangaba ( ajuda a eliminar a barriga )
casca de mulugu ( acalma e controla a ansiedade )
centela asiática ( estimula a produção de colágeno, melhorando as estrias e fortalecendo as unhas, pele e cabelos )
cavalina ( tem poder diurético )
hibisco ( age como emagrecedor e laxante suave, além de diminuir a compulsão por doces )


Modo de Preparo: Coloque um punhado ou 5g de cada erva em 1 litro de água fervente e deixe por 3 minutos. Espere esfriar, coe e tome 1 xícara de chá de 4 a 5 vezes ao dia, nos intervalos das refeições.


Importante: Para atingir bons resultados, não deixe faltar nenhuma das ervas. Só compre as plantas em lojas especializadas e nunca em barraquinhas na rua. Vale lembrar que os chás não podem ser preparados em vasilhas de alumínio, pois podem causar alterações no efeito e sabor do chá. O ideal é usar recipientes de vidro, barro, louça ou esmalte. Os chás devem ser consumidos no mesmo dia que foram feitos.

Plantas medicinais para cólica, gripe, emagrecimento

Cólica menstrual e intestinal, essa dor pode ser aliviada com ajuda das ervas medicinais !


As cólicas ocorrem devido à contração da musculatura lisa que forma orgãos como o estômago, intestinos e útero. Cerca de 50% das mulheres já sofreram com esse incômodo. Isso acontece por causa da prostaglandina, uma substância presente no organismo feminino." Durante amenstruação, o útero libera com o sangue menstrual grandes quantidades de prostaglandinas, que faz com que ele se contraia causando a dor da cólica, em alguns casos são tão forte que a mulher acaba desmaiando. A cólica quando moderada ou leve, pode ser aliviada com um chá quente, uma massagem ou mesmo uma bolsa de água quente sobre a região abdominal. Porém, se a dor persistir por muito tempo ou for de intensidade fora do comum, é imprescindível procurar ajuda médica.


Receitas caseiras para cólica menstrual e intestinal


1 - ERVA-DOCE E ALECRIM


Ingredientes:


2 colheres ( sopa ) de sementes secas de erva-doce
2 colheres ( sopa ) de ramos frescos de alecrim
1/2 litro de água


Modo de Preparo: Leve a erva-doce, o alecrim e a água ao fogo para ferver por 5 minutos. Desligue, espere amornar e coe. Se necessário, adoce com mel.




2 - CAMOMILA E ERVA-DOCE


Ingredientes: 


2 colheres ( sopa ) de flores e folhas secas de camomila
2 colheres ( sopa ) de sementes de erva-doce
1 litro de água 


Modo de Preparo: Em uma panela, leve a camomila, a erva-doce e a água para ferver. Espere amornar, coe e beba 1 xícara ( chá ) a cada 3 horas.




Dicas para combater a gripe

É a doença mais comum, produzida por vírus, com os sintomas característicos de espirros, prostração, mal-estar, dores no corpo, tosse, febre, irritação nasal e depois secreção ( catarro ). Pode originar doenças mais graves, tais como bronquite, pneumonia, sinusite e outras, se não for bem tratada. Deve-se evitar alimentos e líquidos gelados, choques térmicos, poeira e ambientes úmidos. Beber água em abundância e adotar alimentação composta de frutas cítricas e vegetais crus. Nos casos mais resistentes ou quando há crises muito frequentes, é necessário procurar atenção médica. As indicações a seguir auxiliam no tratamento da gipe.



Remédios caseiros para gripe


Chá de poejo- 1/2 xícara de planta fresca picada para 1 litro de água. Ferver por 2 minutos. Tomar 3 xícaras ao dia.
Tostar 3 limões no forno e, ainda quente, espremer o suco. Adoçar com mel de abelhas e tomar 1 vez ao dia.
Espremer 3 a 4 laranjas do tipo pêra ou da baía. Aquecer levemente, adicionar 20 gotas de própolis para cada xícara e tomar 1 xícara antes de deitar-se.
Bater 6 a 10 acerolas com 1 copo de água no liquidificador, coar e tomar 1 copo ( 200 ml ) 3 vezes ao dia, com 10 gotas de extrato de própolis para cada copo. Adoçar com mel.





Emagreça com sáude ! Receita caseira para emagrecer rápido

A combinação entre alimentação balanceada e exercícios físicos é o que realmente vale para quem quer perder aqueles quilinhos extras. Assim, parece que não há segredo para o emagrecimento. Mas alguns hábitos podem passar despercebidos e prejudicar o processo." Só fechar a boca não significa que você vai realmente emagrecer. Hábitos errados e escolhas insensatas podem fazer com que o seu esforço seja em vão". Problemas como prisão de ventre e retenção de líquidos também atrabapalham na redução de medidas. Portanto, o ideal é combinar atitudes que queimam gordura, fazem o intestino funcionar e acabam com o inchaço. Os chás, por exemplo, podem ser grandes aliados, já que muitos ingredientes contêm propriedades desintoxicantes. 


Chás que ajudam emagrecer


1- CHÁ VERMELHO COM LARANJA


Ingredientes: 


1 copo ( 250 ml ) de água 
1 cravo-da-índia
1 colher ( sopa ) de chá vermelho
Suco puro de 1/2 laranja


Modo de Preparo: Em uma panela, leve a água ao fogo com o cravo-da-índia e desligue quando surgirem as primeiras bolhas. Adicione o chá vermelho e deixe abafado por 5 minutos, coe e misture com o suco de laranja. Beba em seguida. se preferir, acrescente cubos de gelo e beba gelado.




2 - MIX DE HIBISCO, CEREJA E HORTELÃ


Ingredientes:


1 colher ( chá ) de flores secas de hibisco
1 xícara ( chá ) de água fervente 
1 colher ( sopa ) de limão 
2 colheres ( sopa ) de cereja picada e sem caroço
1 colher ( chá ) de folhas frescas de hortelã picadas
Gelo a gosto 


Modo de Preparo: Coloque o hibisco em uma xícara e despeje água fervente por cima. Deixe abafado por 10 minutos. Coe, espere amornar e bata no liquidificador com o restante dos ingredientes. Beba no lanche de manhã ou da tarde.




Proteja seu bebê contra gripes e resfriados. Confira receita caseira !

Com a mudança de tempo sabemos que osbebês são as principais vitimas da gripe e resfriado, pensando em algo que pudesse estar auxiliando a mamães no tratamento da gripe de suas crianças, deixamos abaixo algo simples e rápido de preparar que é uma excelente receita caseira para bebê. Confira !


Xarope de Cenoura 


1 cenoura média
1 colher de sopa de açúcar


Modo de Preparo: Primeiramente lave bem a cenoura, em seguida rale a cenoura ( pode utilizar centrífuga ou processador de alimentos), dentro algum recipiente de prefeência de vidro. Feito isso, leve o recipiente com a cenoura ralada a geladeira e deixe lá por alguns minutos, enquando ela estiver na geladeira ira soltar bastante suco. Agora basta dispensar a cenoura e acrescentar o açúcar ao suco.




Consumo: Dê para o bebê várias vezes ao dia.


Observação: Este xarope caseiro além de combater gripe e resfrido ajuda a eliminar o catarro e a tosse, devido a grande concentração de vitamina C auxiliadas também pelas propriedades antitússicas também presentes na cenoura. Para bebês com mais de 1 ano pode perfeitamente fazer uso do mel ao vez do açúcar.


Contra-Indicação: não utilizar este xarope caso o bebê tenha diabetes.



Chá de angélica excelente para cólicas intestinais, cólicas estomacais, tratamentos de bronquites e outros benefícios. 

Os princípios ativos da angélica ( angélica sylvestris ) são: o felandreno, de ação digestiva e espasmolítica, a a angelicina, que exerce uma ação sedativa e equilibradora sobre o sistema nervoso. A estes princípios ativos se devem as suas autênticaspropriedades medicinais.




Para que serve o chá de angélica ?


Funciona como um excelente tônico e estimulante das funções do aparelho digestivo, aumentando a secreção de sucos gástricos, eliminando os gases e fermentação intestinal. Também é indicado para tratamento de bronquites, cãibras, anemia, convulsões, cólicas estomacais e intestinais, problemas menstruais, além de pulmões, fígado, rins, bexiga entre outros. Segue abaixo a receita para o preparo do chá.


MODO DE PREPARO: Misture 20g de raízes de angélica para 1 litro de água. Ferva entre 10 a 15 minutos, depois coe e beba.




CONSUMO: Tomar 1 xícara 3 vezes ao dia.




Não deixe a gripe derrubar você ! Receitas medicinais para gripe e resfriado.

Difícil passar um período muito longo sempegar uma gripe ou resfriado. Por mais que o organismo esteja saudável e blindado contra o vírus, uma vez ou outra a doença ataca e aí o jeito é cuidar dos sintomas. Justamente por serem causadas por vírus,gripes e resfriados não têm cura por meio de remédios. No entanto nesses casos uma das opções é utilizar as ervas em forma dechás medicinais tratar os sintomas, com febre, irritação na garganta e secreção de muco.




Xarope Caseiro Para Gripe 


Ingredientes:


2 folhas frescas de sálvia 
3 flores de sabugueiro
2 folhas frescas de poejo
2 folhas frescas de eucalipto
1 colher ( sopa ) de açafrão em pó
300 g de mel


Modo de Preparo: Bata todos os ingredientes no liquidificador. Guarde em um pote limpo e seco, com tampa. Tome 1 colher ( sopa ) 3 vezez ao dia. Crianças devem tomar 1 colher ( café ) ao dia.




Aliviar Sintomas da Gripe


Ingredientes:


1 xícara ( chá ) de água 
1 colher ( chá ) de chá verde
1/2 colher ( chá ) de gengibre fresco ralado
Mel a gosto 
1 rodela de limão


Modo de Preparo: Em uma panela, leve a água ao fogo e desligue antes de ferver. Adicione o chá verde, deixe abafado por 5 minutos e coe. Misture o gengibre e mel a gosto. Coloque a rodela de limão, mexa e beba em seguida.

Conteúdo do Blog!