Tradutor

sexta-feira, 2 de janeiro de 2015

Fototerapia - Um aliado na cura do Vitiligo.

Olá, amigos. Hoje eu vim postar sobre um assunto que acompanho, desde que meu filho me mostrou uma manchinha branca no calcanhar, quando ele tinha 7 anos. Quando eu vi a mancha, eu já sabia que se tratava do vitiligo. Levei ao dermatologista e o que mais me deixou triste no momento foi a seguinte palavra: "VITILIGO NÃO TEM CURA". Cheguei em casa e me desabei a chorar. Fiquei imaginando o que meu filho passaria nessa sociedade tão preocupada com o estético. Os anos foram passando e as manchas aumentando. Levei-o na Santa Casa da Misericórdia, Hospital Alberst Sabin e agora ele está fazendo o tratamento no Hospital Universitário Clementino Fraga (Hospital do Fundão) , aqui no Rio de Janeiro. Durante esses 7 anos ele tem usado a pomada Tacrolimus 1% (o Protopic é bem mais caro, custa cerca de R$ 90,00) que no Fundão custa R$ 15,00 pois tem laboratório próprio. Fez uso do Viticromim, parou de tomar quando começou a fazer a fototerapia; hoje ele tem feito uso apenas do Tacrolimus 1% no rosto e partes íntimas, Clob X no corpo durante 20 dias e pára 10 dias (não deve ser utilizado nas partes íntimas), Prednisona (toma apenas 1 comprimido no sábado e 1 no domingo), filtro solar (gel pois é adolescente e o creme aumenta as espinhas que podem causar mais lesões) e a fototerapia.
Só a partir da fototerapia que vimos melhoras, as pomadas junto com a fototerapia deram um resultado mais rápido que o esperado, vejam:

Meu filho antes e depois do tratamento com a fototerapia

 A 1ª foto é de 11 de outubro e a 2ª foto do dia 30 de novembro de 2014, portanto, 1 mês e 19 dias. Quando comecei a ver a melhora do meu filho, como o meu coração se alegrou. Nenhuma mãe gosta de ver seu filho triste, pois na rua o chamam de Michael Jackson, Liquid Paper etc. Muitas vezes eu e seu pai tivemos que sentar e conversar com ele, dizendo que ele era muito maior e melhor do que qualquer vitiligo e que isso não o impediria de trabalhar, casar e etc. Mas para um adolescente isso é difícil, né? 
Hoje meu filho está bem mais animado e confiante. Nós oramos e Deus deu a resposta.
Ele vai no Hospital do Fundão 3 vezes por semana para fazer a fototerapia que dura menos que 5 minutos. A melhora começa no rosto. As mãos e os pés são os últimos a serem pigmentados.
Espero que esse meu pequeno relato o ajude, querido (a).


Abaixo eu vou colocar uma postagem sobre a fototerapia e a fonte:

Fototerapia com UVB (Ultravioleta B) Banda Estreita (Narrow Band)

A exposição a esse tipo de lâmpadas pode induzir aumento da capacidade enzimática, hipertrofia e proliferação dos melanócitos, além de alterações do comportamento imunológico da pele. Reduz o tempo de tratamento e não requer uso de fotossensibilizantes, reduzindo custos e efeitos colaterais.


http://www.vitiligo.med.br/tratamento.php


Não posso esquecer de falar que para fazer a fototerapia é necessário fazer exame de vista e comprar um óculos de sol original.

Se você tiver alguma história parecida mande para o meu email: marcelacris11@gmail.com, ou faça um comentário, ok? Abraços.

Conteúdo do Blog!